Buscar

Fábricas de chips da Samsung no Texas são obrigadas a parar as atividades

A fábrica foi obrigada a interromper as atividades por conta de uma crise no estado.

Imagem: Jay Janner / American-Stateman


Pra piorar toda a crise mundial com a escassez de Hardware, as duas fábricas situadas em Austin, Texas, foram obrigadas a interromper suas atividades devido a uma crise energética no estado. A ordem de interrupção das atividades foi feita por conta de uma regulação energética que está acontecendo no Texas recentemente, segundo uma reportagem da Austin-American Statesman.


Vale ressaltar que atualmente é inverno na região e, naturalmente, o consumo energético aumenta consideravelmente uma vez que as pessoas passam mais tempo dentro de casa nesse clima mais frio. Porém a decisão foi realizada por um consórcio de companhias do estado.


Essa medida é um tanto que incomum e tem o potencial de acabar custando às diversas companhias milhões de dólares com a interrupção da produção e também pode acabar resultando numa degradação de alguns produtos no meio desse processo.


O desligamento não planejado de fábricas podem resultar em impactos de longo termo, como por exemplo, uma interrupção de 30 minutos de energia numa fábrica da Samsung destruiu cerca de 3% de todo o estoque global de memória NAND. Além disso, houve uma queda de energia na fábrica de Hwaseong da Samsung, na Coréia do Sul, que levou dias, desde que a energia foi reestabelecida, para que a produção retomasse em 100%.


O impacto deste desligamento chegará nas nossas mãos, os consumidores, seja por preços altíssimos de Hardware ou apenas pela própria falta dele, principalmente no meio de uma crise global de saúde e economia.


Vamos torcer para tudo se resolva o mais rápido possível e minimizar esses impactos no mercado e, consequentemente, nos nossos bolsos.


"Auuuu!"

310 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo